Após grave crime, estação de captação de água do rio Tietê volta a funcionar

Roubo à mão armada na Estação de Tratamento na madrugada de sexta, que interrompeu o abastecimento de água na Zona Norte, deverá ser normalizado, gradativamente, até a madrugada

 

Um violento assalto à mão armada na estação de captação de água do Rio Tietê, em Araçatuba, na madrugada de sexta, provocou o desabastecimento na Zona Norte da cidade, que é abastecida pela ETA Tietê.

 

O crime foi cometido por uma quadrilha fortemente armada, que rendeu o vigilante na instalação que fica às margens do Rio Tietê, a 15 quilômetros de Araçatuba. Depois de espancar e amarrar o funcionário, os criminosos levaram cabos de cobre que alimentam os painéis elétricos da Estação e danificaram diversos equipamentos, necessários para o funcionamento da ETA.

 

Além do boletim de ocorrência em função da agressão sofrida pelo funcionário, a GS Inima Samar está registrando BO comunicando o roubo qualificado pelo emprego de arma de fogo, dano ao patrimônio público e perigo à saúde pública, podendo gerar uma pena de 4 a 10 anos com possibilidade de aumentar em até 2/3 pelo uso de arma de fogo, uma vez que o crime provocou interrupção do abastecimento de água para a população do município e foi cometido com violência contra um funcionário. A polícia já foi acionada e abriu investigação técnica para identificar os criminosos e receptadores.

 

Equipes da GS Inima SAMAR trabalharam toda a madrugada para restabelecer o sistema nesta manhã e continuam no local repondo o material roubado e danificado. Com isso, a previsão é que a Estação retome seu funcionamento em sua capacidade a partir das 14h de hoje. A normalização do abastecimento para a população deverá ocorrer, gradativamente, até a madrugada.

 

Desde cedo, caminhões pipas foram disponibilizados para atendimento sob demanda. Vale destacar que, os imóveis que possuem caixa d’água não sentirão os efeitos da paralisação.

 

A GS Inima SAMAR lamenta a ocorrência de crimes dessa natureza porque além de violar o patrimônio público afeta um serviço essencial à população de Araçatuba. 

 

Os moradores das áreas atingidas foram comunicados dessa ocorrência por meio de SMS, canais de comunicação oficiais da empresa, central de atendimento e imprensa.

 

Colocamos nossos canais de atendimento à disposição:

0800 770 2295 WhatsApp: 11 950206424 www.samar.eco.br

    Galeria de Fotos

  • Após grave crime, estação de captação de água do rio Tietê volta a funcionar